Rogério Xavier, da SPX (divulgação/XP)

SÃO PAULO – O avanço da crise institucional, acompanhado de revisões para baixo das expectativas de crescimento da economia e aumento das pressões inflacionárias, fez uma das gestoras mais tradicionais do mercado alterar os rumos das alocações neste mês. Na sua carta aos cotistas de agosto, a SPX – do renomado gestor Rogério Xavier – informou que zerou a “posição direcional comprada” na bolsa brasileira, que representa uma aposta na alta do mercado de modo geral.

Embora tenha se mostrado mais negativa com as perspectivas do país, a gestora está confiante de que ainda há boas oportunidades em alguns setores específicos, como o financeiro e de energia. Diante desse contexto, a casa iniciou posição comprada, esperando uma alta dos papéis de ambos os segmentos.

Ao mesmo tempo, os executivos da SPX informaram que preferiram manter posições nos setores de consumo e de transporte contra o Ibovespa.

conheça o Expert Pass

Fonte