Jair Bolsonaro usa máscara branca de proteção à contaminação por coronavírus
O presidente Jair Bolsonaro (Andressa Anholete/Getty Images)

BRASÍLIA (Reuters) – Ao criticar a possível candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na eleição presidencial de 2022, o presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira que quem votar no petista “merece sofrer”.

Perguntado por um apoiador se a decisão do Supremo Tribunal Federal, que confirmou a anulação das condenações do ex-presidente pelo então juiz Sérgio Moro, não seriam “crime de lesa-pátria”, Bolsonaro lembrou que a decisão do pleno da corte foi de 8 votos a 3 a favor de Lula.

“Você interprete como quiser (a decisão). Agora, um povo que porventura vote em um cara desses é um povo que merece sofrer”, disse. “Igual umas prefeituras que ano passado os caras deitaram e rolaram no lockdown. E reelegeram o cara. Querem o quê?”

Lula cresce em corrida eleitoral, mas mantém empate técnico com Bolsonaro, diz XP/Ipespe

“Alguns querem que de um cavalo de pau no Brasil. Não dá para dar cavalo de pau”, disse. “O povão vai aprendendo devagar, vai mudar isso daí (eleições). Para eu resolver só se eu impusesse uma ditadura, a gente não vai fazer isso.”

Receba o Barômetro do Poder e tenha acesso exclusivo às expectativas dos principais analistas de risco político do país



Fonte