SÃO PAULO – As ações de varejistas de moda têm disparada na tarde desta segunda-feira (16), em uma semana movimentada para o setor e com diversas especulações sobre fusões e aquisições no varejo de moda após a Arezzo (ARZZ3) propor combinação de negócios com a Cia. Hering (HGTX3).

Os papéis da Cia. Hering , que chegaram a cair 3,65% mais cedo, passaram a subir forte a partir do meio-dia, chegando a avançar 12,23%. Às 12h58 (horário de Brasília), a alta era de 8,49%, a R$ 23,77.

Quem também passou a subir forte foi a Lojas Renner (LREN3), com ganhos de cerca de 9%. Fora do índice, quem se destaca é a C&A (CEAB3), com alta que chegou a ser de 17% e a Lojas Marisa (AMAR3), com alta de mais de 13%.

IGTA3), brMalls (BRML3) e Multiplan (MULT3), que registravam baixa no início da sessão, também viraram para ganhos, ainda que mais modestos, entre 0,5% e 1%.

O movimento aconteceu com informações de que o governo de São Paulo anunciaria a abertura do comércio a partir da semana que vem, numa flexibilização das medidas para o controle da transmissão do coronavírus.

Em coletiva, o governo estadual confirmou a reabertura do comércio, ainda que o estado continue na fase vermelha. Com a mudança, shoppings e lojas de rua poderão reabrir, em horários reduzidos, já neste final de semana.

Quer entender o que é o mercado financeiro e como ele funciona? Assista à série gratuita Carreira no Mercado Financeiro e conheça o setor da economia que paga os melhores salários de 2021.



Fonte