(Getty Images)

Atenta ao crescente número de investidores que querem ver o patrimônio render, mas de forma responsável, a Simpar fez nesta semana uma emissão de bônus em reais no mercado internacional atrelados a metas de sustentabilidade. O grupo que controla seis empresas, entre as quais JSL, Original, Movida e Vamos, tinha intenção de oferecer R$ 300 milhões, mas captou R$ 450 milhões.

Foi a primeira operação desse tipo por uma empresa brasileira desde 2013, quando a BRF, do setor de alimentação, lançou papéis em reais com liquidação em dólares, mas sem o viés sustentável, informa Denys Marc Ferrez, diretor de Relações com Investidores da Simpar.

Segundo ele, grandes investidores interessados no negócio não puderam ser atendidos. “Não conseguimos acomodar esses investidores e acho que ficou aberta uma janela para quem mais quiser fazer emissões em reais no exterior vinculadas ao tema da sustentabilidade”, afirma.

Esta série gratuita do InfoMoney mostra como entrar para uma das profissões mais bem remuneradas do mercado. Deixe seu e-mail abaixo para assistir.



Fonte